e

maio/2013 | Artigos

Competência: chave para a legitimação

A tecnologia trazendo mais espaço para os profissionais de Relações Públicas

Foto: Aline Rosa.

A profissão de Relações Públicas é regulamentada a partir de órgãos como a Associação Brasileira de Relações Públicas (ABRP) e o Conselho Federal de Profissionais de Relações Públicas (CONFERP), além de outros, e isso faz com que a área de RP seja legitimada, mesmo que na prática não seja bem assim. O mercado de trabalho ainda não dá o devido valor ao profissional de Relações Públicas, e muitos não sabem a importância de quem irá cuidar do relacionamento da empresa com seus públicos, da imagem da organização, da reputação, da comunicação interna e externa, entre outras funções.

Segundo Cláudia Peixoto de Moura, coordenadora do curso Relações Públicas da Famecos/PUCRS, o que legitima esse profissional é a competência. Para ela a competência é um avanço do conhecimento. “Conhecimento é tudo”, enfatiza. O profissional precisa conhecer muito bem a teoria, saber sobre a prática e as técnicas para o desenvolvimento de um bom trabalho de comunicação dentro de uma organização. “Desta forma, além de se destacar no mercado de trabalho, passará a ser reconhecido”, salienta a professora.

Com o avanço da tecnologia, o momento é favorável para a profissão. As organizações precisam estar mais próximas de seus públicos, relacionando-se melhor com eles, e é ai que entram os profissionais de RP, com um bom planejamento para que isso ocorra da melhor forma possível. “O RP passou a ser uma figura chave da organização”, afirma Cláudia Moura, pois a lógica do mercado mudou. Hoje para vender um produto ou serviço é necessário saber se relacionar, e o relacionamento será a mediação entre o cliente e a organização.

A comunicação de uma organização passou a ser Institucional, e não mais Mercadológica. E sabendo disso quem não quer ter um profissional que estará cuidando de todos os aspectos envolvidos na comunicação institucional?! A hora do RP chegou e nós, profissionais da área, precisamos nos revelar como os tais profissionais de comunicação. O interesse por parte das empresas está surgindo, e cabe somente a nós mostrar o quanto competente é esse profissional e como são amplas e importantes as funções que fazem parte do nosso currículo.

Stalkers

Stalkers

O termo "stalker" deriva da palavra em inglês “stalk”, que significa perseguir. Não existe uma...

ler mais
Gestão Emocional

Gestão Emocional

Aprender a lidar com as emoções nem sempre é simples, mas pode ser aprendido ao longo da vida....

ler mais

Seguidores! Vendas?

Hoje em dia as mídias sociais estão em alta, cada vez mais as pessoas gastam tempo consumindo...

ler mais

Stalkers

O termo "stalker" deriva da palavra em inglês “stalk”, que significa perseguir. Não existe uma tradução literal para o português, mas pode-se...

Gestão Emocional

Aprender a lidar com as emoções nem sempre é simples, mas pode ser aprendido ao longo da vida. Trata-se de uma habilidade de compreender, controlar...

Seguidores! Vendas?

Hoje em dia as mídias sociais estão em alta, cada vez mais as pessoas gastam tempo consumindo conteúdos no Instagram, por exemplo. As empresas já...

Pin It on Pinterest