A palavra cashback vem do inglês e seu significado é literalmente “dinheiro de volta”. Trata-se de um sistema em que o usuário pode receber uma determinada parcela do valor da compra (na forma de bônus ou de dinheiro depositado em sua conta corrente), e pode variar de acordo com a empresa ou com o aplicativo em que o consumidor tem cadastro. É um programas de recompensa, muito usado nos Estados Unidos, desde 1998, e em outros países também. Porém, no Brasil, tal inovação, surgiu apenas em 2011 com a startup brasileira Méliuz.

A popularidade do e-commerce vem crescendo e ampliando a concorrência. Por esta razão, o cashback tornou-se um diferencial decisivo nas empresas para obtenção e fidelização de clientes. Além de ganhar parte da quantia investida de volta, também é possível adquirir descontos em empresas filiadas exigindo do cliente um cadastro em sites ou aplicativos parceiros para usufruir deste recurso.

O coordenador do curso de economia da Escola de Negócios da PUCRS, Gustavo Inácio de Moraes, comenta: “O mecanismo de cashback é, sobretudo, um mecanismo de fidelização de clientela. Assim, forma-se um pool de empresas que procura fidelizar o cliente estimulando a aquisição dos produtos dessa rede. O programa de milhagem das empresas aéreas e programas de pontuação nos cartões de crédito funcionam de forma semelhante mas, nesses casos, para produtos específicos previamente ofertados. A novidade do cashback é trabalhar no comércio on-line e com uma oferta ampla de produtos”.

Já a professora do curso de economia da Escola de Negócios da PUCRS, Kellen Fraga da Silva, explica que o cashback é uma estratégia em que as empresas utilizam pontuações, prêmios, cupons e recompensas para fidelizar o cliente. “A ideia é tornar mais atrativo esse relacionamento, e ter um diferencial competitivo no mercado. Representa um tipo de solução que advém da mudança do perfil de compra do mundo digital. Tornou-se fácil criar essas soluções digitalmente, é possível acompanhar os resultados que isso gera”, diz a professora.

Em conjunto com a propagação de sistemas de pagamento on-line, o cashback tem se apresentado como uma nova tendência de consumo vantajosa para tornar fiel o cliente ao seu produto, aumentando seu nível de satisfação com a empresa. Outro ponto vantajoso para as empresas é o aumento de visibilidade com possíveis promoções, além de não limitar o cliente a trocas de pontos ou compras fechadas.