e

junho/2012 | Acontece

A Copa do Mundo é nossa!

A Copa do Mundo de 2014 acontecerá no Brasil e muitas organizações e departamentos públicos estão em polvorosas com tantos preparativos. O foco está voltado, principalmente, para os estádios, que serão os palcos desse grandioso espetáculo futebolístico. Após ser constatado atraso na maioria das obras ou reformas, a FIFA emitiu sinal amarelo ao país, porém, existem outros sinais  pulsando por aí e ninguém os vê.

Patrícia de Oliveira, estudante de Relações Públicas da Famecos, aponta uma falha no sistema a partir de sua experiência. Ao ir até o Departamento de Polícia Federal com uma amiga marroquina para carimbar o passaporte, pois este não havia sido carimbado em Congonhas/SP, funcionários disseram que esse esquecimento é “normal”, ou seja, estamos colocando incontáveis clandestinos no país.

Mas o que realmente chocou a porto-alegrense foi o despreparo presente em tal órgão: a falta da fluência em outras línguas. No setor de estrangeiros, atendentes fizeram questão de ficar com o número de telefone da acompanhante e lhe orientaram a comparecer juntamente com a interessada, já que eles não entendiam o que ela falava, apesar da garota se comunicar com fluência em inglês, francês e árabe.

Imaginem a chegada dos turistas na Copa, a maioria em aeroportos. A aquisição do equipamento antineblina para o Salgado Filho ainda não foi realizada, ou seja, se houver nevoeiro, o aeroporto fechará e os passageiros terão suas chegadas atrasadas, fato que é constante na cidade. Os que vierem de navio se depararão com a precariedade do porto no que diz respeito a sua infraestrutura que não comporta grandes embarcações.

No deslocamento aos hotéis, conhecerão a realidade do transporte coletivo público e do trânsito brasileiro (no caso, especificamente porto-alegrense), estes que certamente são motivo de indignação da população local. Quanto aos hotéis, os classificados na categoria “5 estrelas”, apesar de serem poucos, estão relativamente bem localizados em relação aos principais pontos turísticos da cidade.

O local previsto para os jogos em Porto Alegre, o estádio Beira-Rio, que também conta com alguns hotéis ao redor, teve sua remodelação atrasada. Isso se deu pelo impasse entre a construtora Andrade Gutierres e o Internacional Sport Club, que não concordava com os termos do contrato e exigiu mudanças para assinar.

Com sorte, os turistas não sofrerão ofensas, preconceito ou agressões por parte de policiais despreparados e insatisfeitos. Com um pouquinho mais de sorte, não precisarão recorrer à ajuda de algum militar para resgatar seus pertences furtados por meninos de rua sob o efeito do crack ou de drogas afins.

Existem projetos de melhorias para todos os aspectos relatados, portanto, nós, como bons brasileiros, não podemos desistir, não podemos desacreditar que as ações possam sair do papel. Mesmo que sejam feitas em função dos “gringos” e da reputação do Brasil no exterior, seremos nós, os moradores da cidade e do país que desfrutaremos da uma melhor qualidade de vida em função da Copa.

Oportunidade na Copa América 2019

Sediar um evento internacional como a Copa América é algo almejado por praticamente todos os países da América Latina. Seja para aumentar a...

Instituto de Cultura: arte, teatro e música no campus

Rua da Cultura (Foto: Camila Cunha/PUCRS) Os eventos culturais revelam em seus acontecimentos criatividade, costumes, tradições e valores já vividos...

Ativismo sociocultural gera troca de saberes com a comunidade

Foto: Equipe Honk! POA Nos dias 24, 25 e 26 de maio ocorreu a primeira edição do Honk! em Porto Alegre. O Honk! é um evento mundial estadunidense,...

Pin It on Pinterest