e

junho/2021 | Entrevistas

A ascensão de Juliette Freire no BBB21

Entrevista com o adm do Facebook da sister, Lucas Magalhães

Lucas Magalhães, administrador do Facebook da personalidade em ascensão, Juliette Freire, cedeu uma entrevista para as alunas Ana Luiza Sperotto e Lívia Teixeira, em abril, reta final do programa Big Brother Brasil. A entrevista foi realizada por meio do software de vídeos, Zoom. O marketing em torno da advogada e maquiadora está em alta por sua explosão nas redes sociais, devido a sua participação carismática e que está dando o que falar. 

 

Juliette, do BBB 21 (Foto: João Cotta/Globo/Divulgação)

Quem é Juliette Freire?

O Big Brother Brasil 2021 começou pegando fogo. Diversas confusões e discussões foram protagonizadas por artistas como Karol Conká, Projota e Nego Di e até mesmo os participantes Lumena Aleluia, Gilberto e a favorita da edição, Juliette Freire. 

A advogada e maquiadora de 31 anos, paraibana natural de Campina Grande, foi oprimida de diversas maneiras por seus brothers e sisters que não acreditavam na sua força fora do programa, algo que nós, telespectadores, estamos percebendo cada vez mais conforme o fim do BBB chega. 

Para Ju, o reality é a grande chance de mudar de vida. A participante tem o sonho de dar uma condição de vida melhor para sua família, sua maior motivação. Depois de ter largado a faculdade de medicina, começou sua jornada no direito com o sonho de se tornar delegada, mas ao mesmo tempo, desbravou seus conhecimentos técnicos com hobby na área da maquiagem, se tornando uma grande maquiadora. 

Dentro do Big Brother Brasil 

Juliette já entrou no programa com vantagem. Ela e outros brothers e sisters foram imunizados pelo público antes mesmo de entrarem na casa mais vigiada do Brasil. Conforme ela foi se enturmando, muitas discussões e provocações foram para cima da sister, que não estava aguentando a pressão, mas que não pensou em desistir do seu sonho. 

Voltando de diversos paredões, os participantes foram percebendo que, por mais que não se identificassem com seu temperamento e personalidade, o que atrapalhava a convivência na casa, Juliette possuía uma grande força do público. 

Redes Sociais a mil! 

Logo no início do programa, ela já estava crescendo nas redes sociais. Muitos fãs foram depositando seu afeto e torcida devido sua linda e trágica trajetória. Quando chegou na casa, a participante tinha um pouco mais de 3 mil seguidores no Instagram e agora (abril de 2021) ela superou a marca de 23 milhões de seguidores, sendo, entre todas as edições, umas das participantes mais seguidas na rede social! 

Na mídia social ao lado, Facebook, ela soma mais de 200 mil, quase 300 mil curtidas, mas números imensuráveis de seguidores e interações. Um dos motivos desse engajamento todo, além de seu carisma dentro do programa, são as marcas patrocinadoras que estão investindo muito na sua imagem para quando ela sair do confinamento. 

Os administradores das suas páginas não estavam preparados para o boom que iriam receber de todos os lados, e tiveram que se virar em mil para puxar mais pessoas para os times, possibilitando uma administração boa e eficaz para que tudo esteja nos conformes depois da saída da sister. 


Entrevistamos o administrador do Facebook de Juliette, Lucas Magalhães, que compartilhou sua experiência com o boom das redes sociais da paraibana. 

Lucas Magalhães, adm do Facebook da Juliette do BBB 21

Lucas Magalhães, administrador do Facebook da Juliette (Foto: Reprodução/Arquivo pessoal)

Lucas entrou como voluntário para cuidar do Facebook da participante, não podendo negar tal convite. Magalhães disse: “Quando disse sim, em 15 minutos eu já estava no grupo sabendo que era o Head do Facebook e no dia seguinte, já estava postando! Estávamos todos na loucura, foi bem na semana do paredão da Sarah. Foi bem difícil, rolou muita fake news…. E eu estou no Facebook, que é onde as fake news são mais fortes, então foi bem pesado.” 

O social media, que tinha largado a profissão para trabalhar como redator em uma agência de um de seus conhecidos, relata a explosão de comentários e as métricas usadas para poder mensurar tudo que estava acontecendo na rede social: “Trabalhamos com 2 métricas lá: quem entra pelo computador vê como curtida, já quem entra pelo celular vê como seguidor. Toda curtida é um “seguir”, mas nem todo “seguir” é uma curtida…” 

Lucas reconhece que seu desafio tenha sido criar uma linguagem específica para o Facebook, já que para outras redes como Twitter e Instagram já havia sido criado. Junto de Indira, ambos cuidam das produções e das interações que a página recebe todos os dias, somando quase 500 mil curtidas! O social media relata que sempre teve muita liberdade quanto à criação do conteúdo e que toda a equipe trabalha junto nos grupos de WhatsApp, mas que grande parte é de João Pessoa, o que facilita muito o contato. 

Em relação ao seu crescimento como profissional, ele diz: “A impressão que dá, uma realidade, na verdade, é que a gente da Paraíba tinha sempre que ralar muito para conseguir espaço dentro do mercado, que você chega num nível que não é tão alto e precisa se mudar, sabe? Para São Paulo e outros grandes centros, para ter uma carreira na Publicidade, e isso mudou muito, sabe? Fui vendo gente que eram meus colegas de profissão recebendo destaque nacional por fazer coisas no nível que fazem, porque são muito bons, só não tinham esse espaço! Aí, tem sido muito incrível como Juliette tem construído esse espaço dentro da comunicação paraibana… Ofertas de nível nacional tem chegado para a gente! Tem sido bem bonito.” 

A personalidade forte de Juliette e todo o desempenho de sua equipe facilitaram e garantiram todo o seu sucesso. O profissional ressalta que: “As redes sociais sem o carisma dela não serviriam de nada! Mas é importante lembrar que Juliette entrou na casa imunizada, ela era uma “pipoca”! Não era conhecida! O que fez ela ser imunizada, receber esse privilégio, foi justamente o trabalho que vinha sendo feito antes nas mídias!” 

Com mais de 20 pessoas em sua equipe, o gerenciamento das redes de Juliette ocorre 24 horas por dia! O Head do Facebook destaca: ‟O Facebook é mais tranquilo em relação a isso! Como é um público mais maduro e que trabalha, de noite a resposta deles é bem menor, embora a Juliette quebre qualquer algoritmo! Mas a necessidade dessa atualização 24h é menor. O pico de curtidas e compartilhamentos no Facebook é de manhã, então preciso esperar o programa acabar para montar as estratégias para o dia seguinte, muitas vezes sendo um trabalho da madrugada.” 

Lucas conta que apesar da participante gerar muito conteúdo, é preciso ficar acordado e de olho em tudo o que acontece no reality, uma vez que é ao vivo e contínuo, o que acontece dentro da casa é muito imprevisível! Ele e Indira dividem horários e preferem fazer postagens simultâneas aos acontecimentos. 

O social media também relata que a linguagem das mídias da ex sister é desenvolvida a partir dela! ‟Ao contrário de outras marcas onde se cria uma persona para poder se comunicar, no caso de Juliette, a persona já existia! Então foi caso de compreender essa persona e criar essa outra persona que seria ela aqui fora, sabe? 

Ataques, fake news e críticas

Na primeira semana, a paraibana sofreu diversos ataques e críticas fora do reality por questões relacionadas a brincar que estava namorando o colega de confinamento, Fiuk, e por falar demais. O Head do Facebook ainda não estava na equipe neste momento, mas como acompanhava o programa e alguns de seus amigos já faziam parte do grupo, contou que isso os afetou bastante. ‟Todo mundo já tinha se conectado com ela, sabe? Principalmente por ter tido acesso aos stories, toda a vida dela! Então eram pessoas que já sabiam que ela era incrível! Hoje em dia chegamos num nível em que tudo o que fizermos, vai ter crítica. O jeito de lidar é, muitas vezes, apenas ignorar, pois há muitas críticas sem fundamento algum. Em outros casos, o jeito é avaliar o que é pertinente e que deve ser respondido. As questões mais polêmicas são levadas para o grupo! Tudo é resolvido coletivamente”. 

Durante o programa, Juliette e sua torcida foram alvo de diversas fake news, a fim de tentar desestabilizar os fãs da participante e desmoralizar a imagem dela aqui fora. Usando o emoji de cacto (🌵), que é o identificador dos admiradores mais engajados da morena, alguns perfis nas redes sociais espalharam muitas notícias falsas e agiram de forma condenável, como no caso de racismo com a filha de outra colega de reality de Ju, a Pocah. Lucas afirma que isso machuca a equipe, ‟vai contra tudo o que a gente acredita! Ver a equipe e a torcida da Juliette ser chamada de ‟cuzcuz klan” —  fazendo referência aos grupos racistas estadunidenses e ao prato que a paraibana sempre mencionava dentro da casa —… Muitas pessoas da equipe tem muitos trabalhos relacionados a causas sociais e várias dessas atitudes são feitas para nos atacar diretamente (os administradores). Ver o nosso trabalho sendo tratado dessa forma é muito feio.” 

Hoje, a advogada e maquiadora conta com mais de 29 milhões de seguidores no seu Instagram, Magalhães afirma que, embora não tenha como a equipe controlar essa torcida, mesmo que fosse menor, todos fazem o possível para evitar que estes milhões distribuam ódio gratuito a outros participantes e outras torcidas. ‟Às vezes a gente consegue, às vezes não. Porém, tentamos sempre fazer uma campanha focada totalmente nela! Você não vai ver a gente falando mal de outro participante”, ressalta o social media. ‟A Juliette foi muito massacrada dentro da casa, mas a grande maioria do nosso conteúdo é focado inteiramente nela: o que ela está vivendo, o que ela faz e não o que os outros fazem com ela. Sempre tentamos trazer ela como protagonista das redes dela, que é o que é para ser e que tem muito a ver com o jogo dela”. 

 

Foto:Reprodução/Globo/Gshow

A volta por cima!

A paraibana se tornou a favorita ao prêmio logo na segunda semana de confinamento, com uma vasta e engajada legião de fãs, e mesmo que tenha caído no último paredão da edição, é muito improvável que saia. Quando perguntado se já havia algo comunicacional preparado para o momento em que a preferida do público fosse vitoriosa, Lucas informou que há uma estratégia sendo montada para todos os caminhos que a final pode levar! ‟Nada está ganho ainda! Essa é uma postura muito massa da equipe! A gente não afirma que a Juliette vai ganhar nem mesmo dentro dos nossos grupos, sabe? Ela vai ganhar quando ganhar e se ganhar! Até lá, nosso trabalho é fazer com que ela ganhe e tornar isso o mais real possível. Parece que isso pode acontecer, mas enquanto não acontecer, não vamos cantar vitória nem descansar! A gente se prepara sempre para todas as possibilidades, já que é tudo muito imprevisível. Não temos nenhuma informação privilegiada! O que vocês veem, é o que nós vemos também!”, destaca. 

‟Tem sido muito massa essa parte de poder ser administrador da Juliette e de mais ninguém! A gente sempre olha para as situações com muita empatia, independente do paredão! São pessoas, lá dentro é um jogo e aqui fora a vida é outra! Às vezes os vacilos que dão lá dentro transcendem o jogo, realmente, mas não é do nosso interesse cancelar ninguém, assim como nunca foi o de Juliette! Ela sempre falou em local de acolhimento e é isso o que eu busco canalizar em tudo o que eu crio, sabe?” 

Nota das autoras: no dia 4/5, a participante Juliette Freire ganhou o programa Big Brother Brasil e o prêmio de 1,5 milhões de reais com mais de 90% dos votos. 

Cadê Zumbi?

Cadê Zumbi?

Com uma trajetória que percorre desde sua formação na cultura da capoeira até a apresentações...

ler mais

A ascensão de Juliette Freire no BBB21

Entrevista com o adm do Facebook da sister, Lucas Magalhães Lucas Magalhães, administrador do Facebook da personalidade em ascensão, Juliette...

Formatura, a palavra mágica

O evento mais esperado pelos estudantes, a tão sonhada formatura, faz parte de um ciclo acadêmico, por meio do qual o aluno recebe o grau de...

Paixão por uma causa

Ana Thereza Botafogo Proença aprendeu a ser cerimonialista completamente na prática. Formada em administração e design de moda, trabalhou com...

Pin It on Pinterest